MENSAGEM DE NATAL DA ANACRIM

Em um ano especialmente difícil, marcado pela dor e a incerteza impostos pela pandemia, no qual o mundo e a humanidade colocam em prova a sua resiliência, o significado de Natal, com a acepção própria da sua gênese histórica, ou mesmo da sua etimologia semântica – leia-se, “nascimento” – apresenta-se como deveria ser, sempre, uma data carregada com o simbolismo do novo, da mudança, do renascer, exatamente como o mundo espera que seja o ano de 2021.

O Natal desse ano não nos permite grandes reuniões, aglomerações, mas por outro lado, nos impõe, mesmo à distância, uma gigantesca conexão humana, de paz, amor, respeito, tolerância e, sobretudo, de esperança, esse sentimento que nos faz seguir em frente, certos de que somos capazes de vencer, juntos, qualquer adversidade da vida.

Para a advocacia criminal não foi diferente, um ano duro, cheio de angústias e incertezas, mas que está ficando para trás, descortinando-se com o Natal – “nascimento” – uma nova era de boas possibilidades, a renovação das energias positivas e a crença na união de todos nós, independente de qualquer diferença.

Aos cristãos e não-cristãos essa data carrega, através dos tempos, o simbolismo do nascimento e da renovação, e foi assim com a vinda de Jesus Cristo, e mesmo muito antes, na Roma antiga, com as comemorações pagãs nas quais os romanos celebravam a chegada do inverno (solstício de inverno). Eles cultuavam o Deus Sol (natalis invicti Solis), e ainda promoviam dias de festividades (natal) com o intuito de RENOVAÇÃO.

Sejamos NATAL, sejamos NASCIMENTO DO NOVO, sejamos amor, fé e esperança para além de qualquer credo religioso, sejamos mais HUMANOS.

A ANACRIM deseja a todas e todos um FELIZ NATAL de RENOVAÇÃO, repleto de energias positivas, paz, amor, alegria, tolerância, respeito e muita esperança!!

James Walker Júnior
ANACRIM
Presidente